17 abril 2005

PSL_1

É confrangedor, vêr o homem a estrebuchar nos seus últimos suspiros, de vida pública. Como já pouca gente lhe liga, até os seus comparsas de partido não compareceram no jantar de solidariedade, e pouco tempo de antena já tem direito, então o que é que este génio da politica pensou fazer? Bem, convocar a comunicação social para as obras inacabadas das Amoreiras/Marquês de Pombal, preparando-se para anunciar que o trânsito afinal vai ser alterado para melhor, claro. É evidente que do que ele quer falar é das próximas eleições autárquicas, e aí os jornalistas colocam-se a jeito, fazendo-lhe as mais variadas perguntas sobre a forma como vai reagir á decisão de Marques Mendes. É aqui que de uma forma cínica, passa a representar o papel de vítima, dizendo que afinal, deixou Figueira da Foz a pedido do Durão Barroso e com grande sacrificio pessoal etc...etc... para o partido ganhar Lisboa, portanto nesta altura, e agora concluo eu, o que me parece òbvio, o partido tem uma divida de gratidão para com o cidadão PSL. Espectacular, como diria o gordo Fernando Mendes, do concurso televisivo. Será que o homem não sabe fazer mais nada, do que viver da política? Inscreva-se numa qualquer Escola Profissional, talvez aprenda qualquer coisa de útil para si... e para o País.